A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

23/06/2017

Depois de Casa Roubada....

23/06/2017 + 8 Comentários API
MAS NÃO SE PODE CONSIDERAR INÉDITO O BOICOTE DO BENFICA À TAÇA DE PORTUGAL DE HÓQUEI EM PATINS.


Em 1983/84 o "Glorioso" não participou na X edição da competição juntamente com mais quatro clubes: Sporting CP, CF "Os Belenenses", CD Paço de Arcos e Associação Académica da Amadora.



Inédito mas pouco
A diferença entre 1984/85 e 2016/17 está em que na X Taça de Portugal o "Glorioso" boicotou a competição logo no início e nesta 42.ª edição boicota nas meias-finais. Comunicado do Clube na íntegra (clicar).

O adversário (Seixal FC) passou à eliminatória seguinte
De facto o Benfica não participou na 10.ª edição da Taça de Portugal realizada entre 30 de Setembro de 1984 (reservada a clubes da II Divisão) e 1 e 8 de Dezembro de 1984 (duas mãos da final). Em 13 de Outubro de 1984, nos dezasseis-avos-de-final os clubes da I Divisão entraram no sorteio, excepto Benfica (emparceirou com o Seixal FC), Sporting CP, CF "Os Belenenses", CD Paço de Arcos e Associação Académica da Amadora que não se inscreveram na competição. Entre os clubes da I Divisão filiados na Associação de Patinagem de Lisboa (APL) apenas participaram três emblemas: AD Oeiras, GDS Cascais e GD Sesimbra. De notar que a 1.ª jornada do campeonato nacional realizou-se em 15 de Dezembro de 1984. Como se percebe o hóquei em patins já teve vários modelos competitivos. A final da Taça de Portugal actualmente realiza-se depois da última jornada do campeonato nacional. No início realizava-se antes da primeira!


O Sporting CP não compareceu na Supertaça
O que queriam os clubes da APL para que a tomada de decisão fosse tão "forte". Por exemplo o Sporting CP nem compareceu na 1.ª mão da Supertaça, em 29 de Setembro de 1984, com o troféu a ser entregue ao outro finalista (FC Porto) (clicar). E os "cinco rebeldes" apenas participaram no campeonato nacional depois de verem as suas pretensões contempladas (NOTA: Quem quiser saber os pormenores do que estava em causa pode ler a notícia da época no final de um texto publicado neste blogue em 15 de Junho de 2014 (clicar).

...Trancas à Porta

Alberto Miguéns
8 comentários
comentários
  1. Boa tarde. Falta mencionar o facto de o FC Porto não ter comparecido na Final Four em 1997

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Rui

      Como não tenho essa informação não a menciono. Nem sei se isso é verdade. Não confio nos media actuais. Não copio a não ser informações tiradas da Imprensa da época. Para mim as informações referentes à Taça de Portugal de Hóquei em Patins, em 1996/97, terminam a 11 de Fevereiro (1.ª eliminatória) quando o "Glorioso" foi eliminado, após 1-2, em Paço de Arcos frente ao CD Paço de Arcos. O que se passou depois não "sei".

      Nem me interessa (para este blogue). Já para a História do Hóquei em Patins é outro assunto. E para isso sei o que se passou. Mas não é do âmbito deste blogue "Em Defesa do Benfica".

      Saudações

      Alberto Miguéns

      NOTA: Tem a certeza que o que ocorreu em 1997 na final a quatro foi exactamente como é contado em 2017?

      Eliminar
  2. Caro Alberto
    Gostaria de saber a sua opinião sobre esta tomada de posição do Benfica, isto claro se a quiser tornar pública.
    Saudações tetragloriosas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Rui Ferreira

      Sou do Benfica por isso não tenho qualquer receio de dar a minha opinião.

      Os dirigentes do Clube têm toda a legitimidade - são eleitos - para tomar as posições que interessam ao Benfica. Até porque dominam (estão por dentro) dos assuntos.

      Eu com as limitações que indiquei - não tenho todas as informações, por isso apenas como associado - iria às meias-finais, tentava eliminar o FC Porto e conquistar o troféu. Depois agradecia aos adeptos presentes em Gondomar e recolhia aos balneários não comparecendo à cerimónia da entrega do troféu.

      Mas estou solidário com a tomada de decisão dos dirigentes do meu Clube.

      TETRAsaudações Gloriosíssimas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. Caro Alberto,
      Agradeço a sua resposta.
      Eu também concordo com a tomada de posição do Clube mas julgo que o ideal seria o que mencionou.
      Saudações Tetragloriosíssimas
      Rui Ferreira

      Eliminar
  3. Uma coisa é certa: vamos dar uma Taça aos corruptos, uma a menos na nossa conta e no nosso museu. Ir a jogo e ganhá-la não seria uma boa lambada nas fuças dos jeitosos que mandam no hóquei?
    Não vejo no comunicado oficial nenhuma menção de queixa às autoridades europeias que tutelam o hóquei, sobre as vergonhas que tomaram conta do hóquei nacional. Não poderá ser feita?

    ResponderEliminar
  4. No site Hoqueipatins.pt os dados sobre a citada Final Four são que a final foi 1996/97 UD OLIVEIRENSE - OC BARCELOS 6-4 (c) em SESIMBRA. Nada menciona a tal não comparência do FCP. Também procurei notícias relacionadas, mas não encontro nada. Se alguém tiver alguma informação, que a indique.

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail